Confira 4 dicas incríveis de como usar luminária pendente!

Confira 4 dicas incríveis de como usar luminária pendente!

Capaz de clarear e transformar a decoração de qualquer espaço, a luz é um recurso realmente incrível. Seus efeitos ficam ainda melhores quando combinados a elementos suspensos, como os tradicionais lustres, por exemplo.

Com tamanho potencial nessa dupla, vale a pena descobrir como usar luminária pendente para valorizar seu projeto. Afinal de contas, cada detalhe pode causar um grande impacto.

Quer saber quais são as quatro dicas que preparamos para você? Fique de olho nos próximos tópicos e faça sua escolha! Boa leitura!

1. Nos quartos

Um par de luminárias pendentes pode ser a escolha perfeita para direcionar os feixes de luz aos criados-mudos do quarto de casal. Se o objetivo consiste em manter a claridade em um ponto específico, a dica é combinar vários modelos menores em um canto do cômodo.

Elas também são bem-vindas em dormitórios infantis e até no quarto de bebê. Nesses espaços, têm capacidade de substituir a função do tradicional abajur  fornecendo luz indireta que, ao ser rebatida pela cúpula, clareia o recinto de maneira uniforme.

2. Nas salas

Começar os testes pelas áreas sociais é uma boa opção para quem não sabe como usar luminária pendente. Afinal, trata-se de locais que trazem mais possibilidades para inovar na disposição dos elementos.

Dentro da sala de jantar, o melhor ponto para instalar esse tipo de luminária é a mesa de refeições. Buscando evitar ofuscamentos e o bloqueio da visão das pessoas, certifique-se de manter a base final da cúpula a uma distância de 70 a 90 cm do tampo do móvel.

Na sala de estar, as luminárias pendentes podem ser agrupadas para compor a iluminação central ou ficar dispostas sobre um item específico. Já pensou que legal deixar alguns exemplares acompanhando o lance de uma escada interna?

3. No home office

Quem tem escritório em casa sabe que esse local deve ser propício a trabalho e estudos. Para clareá-lo à noite, a dica é investir em uma ou mais luminárias pendentes sobre a mesa ou a escrivaninha. É importante que as lâmpadas tenham cor branca para promover o foco e a concentração nas atividades.

Cabe destacar que se o home office tem uma atmosfera mais jovial e descontraída, a exemplo dos ateliês, compensa investir em soluções de iluminação decorativa. Nesse caso, além dos pendentes dispostos sobre a mesa, você também pode incluir luminárias suspensas em algum canto do cômodo.

4. Na cozinha

O espaço onde preparamos as refeições da família também merece um projeto personalizado. O cuidado com a estética deve ser ainda maior se ele for integrado a outra área social da casa, como a sala de estar.

Na cozinha é comum o emprego dos versáteis plafons, mas nada impede que você utilize pendentes como complemento da iluminação. O jeito mais famoso é posicioná-los sobre a bancada  a regra da distância é a mesma da mesa de jantar (entre 70 e 90 cm).

Por se tratar de um ambiente que lida frequentemente com partículas de água e gordura, o ideal é apostar em luminárias sem cúpulas ou em modelos aramados ou de vidro. Essas alternativas dão praticidade por serem mais fáceis de limpar.

A orientação também vale se você pretende compor uma área gourmet ou com churrasqueira por meio de luzes emitidas por itens suspensos. Basta, novamente, adequar a peça ao estilo decorativo presente no local.

Gostou das propostas? Lembre-se de sempre priorizar o uso de lâmpada de LED para obter economia em longo prazo e contar com um produto que, além de durável, não aquece os ambientes.

Agora você sabe como usar luminária pendente e pode trabalhar com soluções que tenham a ver com o estilo da sua casa. O próximo passo é contatar uma empresa especializada em iluminação para executar as ideias com o máximo de qualidade!

A Rede Luz oferece produtos e serviços exclusivos para seu projeto. Entre em contato pelo site e descubra como podemos ajudar! 

Descubra como iluminar uma escada de maneira impecável aqui!

Descubra como iluminar uma escada de maneira impecável aqui!

Muitas pessoas focam em recursos para iluminar ambientes e se esquecem das áreas de transição. Pensando nisso, trouxemos dicas e ideias para você descobrir como iluminar uma escada de maneira impecável.

O projeto deve resultar em uma solução funcional e decorativa, que aumente a segurança dos moradores e garanta um visual interessante. O objetivo é evitar acidentes e, ao mesmo tempo, criar efeitos incríveis na estrutura.

Leia o artigo e saiba como fazer isso!

Como iluminar uma escada?

Há várias formas de trabalhar com luzes: utilizar pontos focais, manter uma claridade homogênea, evidenciar detalhes, sinalizar caminhos etc. Basta escolher sua opção favorita ou combinar mais de uma solução.

Veja diferentes ideias para você aplicar em uma escada.

Spots

São pequenos e podem ser embutidos nos degraus ou na parede mais próxima. O ideal é distribuí-los de maneira equilibrada, desde a base até o topo da escada, de modo a obter claridade suficiente para destacar toda a estrutura.

Pendentes

Elementos suspensos, como os tradicionais lustres, também são boas apostas. É importante posicionar esse tipo de luminária bem no centro da escada para que a luz seja distribuída em ambas extremidades. Se for um pendente longo, vale colocá-lo ao lado da estrutura, mantendo suas peças próximas do corrimão.

Fitas

Esses recursos são ótimos para contornar detalhes, como o corrimão e as extremidades dos degraus. As fitas de LED são estreitas e finas, portanto, perfeitas para iluminar partes menores e que ficam escondidas, como os espelhos da escada.

Arandelas

Essas luminárias também funcionam se a sua escada tiver contato com uma parede. Para ter bons resultados, é importante posicionar várias arandelas em sentido vertical, de modo que elas acompanhem o trajeto da escada e conduzam as pessoas pelo caminho.

Velas

Elas compõem as principais tendências decorativas em datas festivas e podem ser úteis quando você desejar uma luz diferenciada. No Natal ou Réveillon, por exemplo, é possível enfeitar os degraus da escada com arranjos de velas. A solução é momentânea e deve ser utilizada apenas durante o período de celebração.

Como escolher a luz mais adequada?

Você acabou de ver que há diversos recursos disponíveis para caprichar na iluminação da escada. O próximo passo é conhecer os cuidados envolvidos na escolha dos produtos e na instalação das luminárias.

Priorize o balizamento

A luz balizadora é ideal para corredores de passagem, áreas de acesso e pontos de transição. Como a escada combina todas essas funções, deve receber elementos que demarquem o caminho e orientem os usuários.

Os spots balizadores, por exemplo, podem aparecer em diferentes formatos. A dica é instalá-los nos próprios degraus ou na parede adjacente à escada. Alguns modelos contam até com sensor de movimento, que faz com que as luzes acendam apenas quando há presença no local.

Escolha a tonalidade da luz

A iluminação da escada pode ser trabalhada com diferentes cores. A escolha da tonalidade dependerá do estilo que você deseja e, ainda, das sensações que pretende transmitir ao ambiente.

Luzes amareladas, por exemplo, remetem ao conforto e aconchego porque criam uma atmosfera acolhedora. Já as luzes brancas são estimulantes e mantêm o observador em estado de alerta.

Também há opções mais chamativas, como azul, roxo e vermelho. Independentemente da preferência, observe sempre o Índice de Reprodução de Cor (IRC) da lâmpada para se certificar de que a tonalidade é fiel àquilo que você procura.

Invista em bons produtos

Parte do segredo de uma boa iluminação está na qualidade dos produtos utilizados. Portanto, não se limite apenas ao preço quando for adquirir itens para o seu projeto.

Atualmente, as lâmpadas de LED estão entre as melhores opções do mercado. Vale a pena investir nessas versões. Afinal, são mais eficientes que os modelos comuns, não esquentam, duram por mais tempo e podem ser recicladas.

E então, o que achou dessas dicas? Agora você sabe como iluminar uma escada de diversas maneiras e pode encontrar a solução perfeita para esse ponto importante da casa.

Não deixe de receber conteúdos como esse em primeira mão. Assine a nossa newsletter e fique de olho em sua caixa de entrada!